B L O G

Dicas, conteúdos, informações e materiais grátis sobre Gestão de Transportes, Frotas e Armazéns.

Inventário Rotativo

A gestão do armazém está diretamente relacionada com o processo de transferência para o cliente final e  precisam levar em conta aspectos como mão de obra, espaço, condições do armazém e fundamentalmente um  local onde se maximiza o espaço de armazenagem.

É durante o processo de armazenagem que se verificam pequenos ciclos de vida dos materiais/produtos e, com a  necessidade de reabastecimentos rápidos, a armazenagem necessita de uma constante racionalização e  consequente diminuição.

Não importa quais sejam os produtos armazenados, uma das principais preocupações de qualquer armazém é  garantir a contagem precisa do Inventário.  Sem números corretos, nenhum departamento da empresa pode desempenhar suas funções adequadamente e  isso pode resultar em envios atrasados, perdas de vendas e de receita.

Um bom sistema de controle de Inventário é vital à operação de qualquer armazém e há duas formas mais  populares de se realizar um Inventário, o Periódico e o Rotativo.  

Veja 5 motivos para realizar um Inventário Rotativo.


1. Necessita de menos esforço

Por conta do uso da contagem cíclica, os esforços concentrados para a realização do Inventário Rotativo são menores do que para o Inventário Periódico.  O objetivo é contar alguns itens a cada dia de modo que todos os itens do armazém sejam  contados dentro do período pré estabelecido pelo sistema ABC, de acordo com valor do produto ou volume de  saída.

Com isso, a contagem se torna parte da rotina dos funcionários ao invés de ser uma atividade sazonal, feita só no final do ano, em que todos os esforços se voltam para a contagem.


2. Baixo impacto na operação

Exatamente por se tornar parte da rotina diária dos funcionários é que ocorre um baixo impacto na operação de armazenagem.  Se no Inventário Periódico é necessário parar as operações para realizar a contagem, no rotativo ela é feita de maneira conjunta.

Os horários e funções das equipes são organizados de forma com que não haja uma queda de produção e assim  a produtividade se mantém enquanto o inventário é realizado.


3. Problemas identificados rapidamente

No Inventário Periódico, o armazém deveria ficar fechado, normalmente no final de cada ano, para realizar a contagem e acurácia.

Caso fosse identificado algum problema, este seria solucionado somente para as operações do ano seguinte. Já  no caso do Rotativo, um inventário completo pode ser feito até duas vezes e meia a cada 12 meses, permitindo  a identificação de problemas muito mais rapidamente.

Com isso, as soluções podem ser instauradas, acompanhadas, mensuradas e adaptadas no mesmo ano,  aumentando a eficiência do sistema de armazenagem.

 

# Ações Preventivas

Conhecendo os problemas mais rapidamente e averiguando se os mesmos tem se repetido ou não, também é possível implementar uma série de ações preventivas, envolvendo processos e funcionários, para que as avarias sejam evitadas.


4. A equipe se especializa

Outro motivo pelo qual o Inventário Rotativo deve ser utilizado é a especialização dos profissionais, pois com a contagem fazendo parte da rotina, as equipes desenvolvem técnicas e métodos para dar mais dinamismo na operação, o que acaba contribuindo para a contagem. 

Dessa forma cada profissional se especializa em sua área de contagem, em determinado produto etc. 

No caso de produtos danificados, também é mais fácil identificar o funcionário responsável, não para culpá-lo,  mas para monitorar o processo do inventário. Se um funcionário continuar a danificar o inventário, essa pessoa pode ter que receber um novo treinamento ou  um treinamento especializado para corrigir o problema.


5. Aprimoramento da acurácia

Devido ao fato de serem executadas diariamente as contagens cíclicas, há um aprimoramento da acurácia do estoque.

Talvez a principal vantagem seja o aprimoramento da acurácia, principalmente pelo fato de que o Inventário  Rotativo permite ter os problemas identificados com facilidade, que possibilita a resolução dos mesmos em um  curto período de tempo.

Dessa forma, em um mesmo ano, a taxa de acuracidade pode ser elevada consideravelmente. Lembrando que a acurácia é o principal indicador da qualidade do Armazém.

 


gestao-empresarial