B L O G

Dicas, conteúdos, informações e materiais grátis sobre Gestão de Transportes, Frotas e Armazéns.

A Softcenter, assim como uma transportadora, é uma empresa que possui gastos, faturamento, lucro, entre outros itens que precisam ser analisadas a cada determinado período para saber o seu desempenho.

Muitas vezes, essas análises levam certo tempo, principalmente porque os números devem ser precisos e o resultado de toda a pesquisa influenciará em peso as estratégias da empresa.

Aqui na Softcenter, durante um tempo utilizamos planilhas e outros métodos manuais para chegar nos resultados. As avaliações tomavam um longo tempo que poderia ser aproveitados para outras atividades tão importantes quanto. Mas como tudo passa por modernização, a forma de analisar o desempenho também mudou.

Hoje em dia, para fazer o acompanhamento de determinadas métricas importantes, nós utilizamos os KPI’s ou indicadores. Mas o que são KPI’s?

KPI é a sigla em inglês para Key Performance Indicator, ou em tradução, Indicadores-Chave de Desempenho.

Ou seja, são indicadores que o gestor definirá para acompanhar a evolução das operações da empresa como um todo. É a solução para não se perder mais em meio a tantos relatórios e papeladas que, muitas vezes, não levam a lugar nenhum. É com os indicadores que você conseguirá manter o foco e correr atrás das metas.

Assim que as informações forem avaliadas, o passo seguinte é direcionar os esforços dos colaboradores para melhorar o que for necessário dentro da empresa.

Fazer uma rápida observação de alguns parâmetros da empresa traz diversos benefícios, como:

  • Traçar soluções para os problemas recorrentes;
  • Encontrar erros frequentes e descobrir uma saída para eles;
  • Analisar os números da empresa de forma rápida e eficiente;
  • Analisar o desempenho de forma simplificada;
  • Dispor de tomadas de decisão mais precisas.

Quais indicadores ter?

Vamos dar um exemplo. Num painel de um veículo como um caminhão, há diversos itens dos quais o motorista deve estar atento, como nível de combustível, velocímetro, temperatura do veículo, quilometragem, entre outros. Esses indicadores devem ser precisos para que o proprietário saiba o momento correto de abastecer ou de realizar uma manutenção.

Explicando de outra forma, como nas operações logísticas, os indicadores mostram a situação atual e auxilia a identificar problemas ou oportunidades de melhorias nas operações. Igualmente o proprietário/motorista, o gerente de logística necessita de conhecimento na área para identificar essas oportunidades interpretando os indicadores.

Dessa forma, cada transportadora, assim como qualquer empresa, deve ter os indicadores relacionados ao seu segmento, sendo únicos para cada empresa.

Para dispor de tais indicadores, é necessário possuir um painel de indicadores, o Dashboard.

O que é Dashboard?



O Dashboard é o painel de indicadores que fica presente em uma tela de sistema, ou seja, é a forma como os indicadores serão visualizados pelos usuários do software.

Este painel conterá todos os dados importantes que devem ser analisados no dia a dia da transportadora, onde as pessoas-chave poderão acessar e interpretar as informações contidas nele. De uma forma mais visual e sintética, os indicadores permitirão medir o sucesso dos processos e operações da empresa.

Veja abaixo um exemplo de dashboard em um sistema de gestão para transportadora:

FFessentials print2

 

Este painel pertence ao sistema FreteFácil Essentials, que você pode conhecer um pouco mais aqui: http://www.softcenter.com.br/essentials/

*Dashboard, por enquanto, disponível apenas para a Versão FreteFácil Essentials.

Portanto, foi assim que resolvemos a questão de análise de desempenho da Softcenter, com painéis de indicadores que mostram de forma clara como nossos gestores devem traçar as estratégias para manter os nossos objetivos.


Ficou com alguma dúvida? Não deixe de entrar em contato conosco! Através do e-mail marketing@softcenter.com.br ou por telefone (43) 3321-4655.

Acompanhe nossas redes sociais! Acesse o nosso FacebookInstagramYouTube e LinkedIn!


Leia mais:

5 motivos para usufruir da tecnologia na gestão da sua transportadora

4 etapas para realizar uma boa gestão de custos da transportadora

Sistemas ERP e TMS - Qual a melhor opção para sua transportadora?


gestao-empresarial

[Relatório gratuito] Transporte de cargas sem documentação obrigatória